Pesquisar este blog

quarta-feira, 9 de março de 2011

Entenda.

Não entenderia o amor se me ensinassem ao pé da letra
Não entenderia me entregar assim, toma e leva meu coração
Não entenderia ficar vivendo em busca de alguém
Não entenderia que meus olhos ao cruzar os seus desperta tamanha emoção
Não entenderia o amor se não sentisse, me soletra
Não entenderia como alguém me entende tão bem como ninguém
Não entenderia esses versos se você me correspondesse
Não entenderia as lágrimas, os batimentos cardíacos sem você
Não entenderia o beijo se não ficasse com o gosto da sua boca
Não entenderia o tempo com um momento desse
Não entenderia a felicidade se não sorrir pra você
Não entenderia o sexo se você não me toca
Não entenderia o medo se estivesse no seus abraços
Não entenderia a vida se não for pra viver esse amor
Não entenderia o ódio nos seus olhos depois de tudo que vivemos
Não entenderia o céu por não ouvir da porta os seus passos
Não entenderia a tristeza se ainda tivesse a alegria que traz o teu amor
Não entenderia os desencontros da vida se guardo as conversas que tivemos
Não entenderia o espaço com o vazio que você deixou
Não entenderia o fim com as recordações do nosso começo
Não entenderia a distância se em mim você ainda é tão presente
Não entenderia o passado se aqueles olhos que já foram meus fossem para outra pessoa
Não entenderia o frio que agora sinto se agora tivesse o seu corpo sobre o meu me aquecendo
Não entenderia os dias se ao olhar no espelho ver a imagem que hoje pareço
Não entenderia as manhãs de agora sem o seu beijo quente
Não entenderia as noites vendo o que a falta faz, com o meu cigarro vejo o dia amanhecendo
Não entenderia as cores se não tenho o que agora careço
Entenda que viver sem você não entenderia
Que nem todas as palavras expressaria o que sinto
E não caberia nesses versos perversos pra mim que agora escrevo
Devolve a mim a vida, me devolve você, só assim saberia
Só assim me entenderia
Entenderia... Entenderia
Entenderia.

8 comentários:

Samara Santos disse...

Agente tenta entender tanta coisa, quando na verdade o que importa é sentir, apenas sentir. =)

Lili Vidal =] disse...

ain mto lindo o blog e seus textos!
eu tbm n entendo nda as vzs! rsrs
+ eh isso msmo
bjoo

100% disse...

O amor não se escreve.

http://paradigmasuniversal.blogspot.com/

Pobre esponja disse...

Gostei da cadência e do sentido.

abç Poeta
Pobre Esponja

Batatinhas disse...

Se foi você quem escreveu, meus parabéns escreve muito bem. E tem que ser ssim mesmo, se tem um dom como este, o de saber fazer uso das palavras, tem que mostrar mesmo... Lindo!

Segue, se quiser:

http://battatynhas.blogspot.com/

Mayara Vieira disse...

O amor é realmente difícil de entender, mais o importante é ter a confiança e sentir.

#Beijos e Sucesso

pensamentoseopinioes disse...

aadoreii seu texto!! muito lindo! Parabéns pelo blog!! =] beijos!

pop-guy disse...

Bacana mesmo, parabéns pelo blog e pelo texto.

Central blogs

div align="center">Central Blogs

Colméia

Colmeia: O melhor dos blogs

Ueba

Uêba - Os Melhores Links