Pesquisar este blog

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Recomendo: O alquimista.

O Alquimista é o segundo livro do autor brasileiro Paulo Coelho. É um livro em que o autor continua a procura e luta pelo significado e pela verdade no mundo começada no primeiro livro, O Diário de um Mago. Tornou-se um best-seller internacional por causa do ingrediente sonho, pois quem não sonha.
O livro tem como personagem principal o jovem pastor Santiago que tem um sonho que se repete. O sonho fala de um tesouro oculto, guardado perto das Pirâmides do Egito. Decidido a seguir seu sonho, o rapaz se depara com os grandes mistérios que acompanham a raça humana desde a sua criação; o Amor, os sinais de Deus, o sonho que cada um de nós precisa seguir na vida.
E nessa empreitada ele encontra um misterioso personagem - um Alquimista,é esse quem irá ensiná-lo a penetrar na Alma do Mundo, e a receber todas as pistas necessárias para chegar até o tesouro.
O livro taz momentos de reflexão e até algumas vezes se assemelha a um livro de auto-ajuda, é um livro que te faz entrar na história, a imaginar todos os cenários e que ao terminar de lê-lo te faz idagar: Qual é a minha lenda pessoal?
Esse livro recebe algumas criticas por ter uma linguagem simples e cheia de clichês, podendo até ser chamado de livro infantil. Não concordo, pra mim é o melhor livro de Paulo Coelho dos que li óbvio ( Frida, 11 minutos e esse). É muito belo e brinca com a imaginação do leitor ( tenho a teoria a teoria que ele fumou alguma coisa para escrever esse livro - é uma viagem).
O alquimista é um livro que lhe diz para seguir seus sonhos.

3 comentários:

! Marcelo Cândido ! disse...

Coincidência ou não, terminei de ler O Alquimista semana passada...

Agora quero ler todos de Paulo Coelho

Abraço
...

Marcus Alencar disse...

Agora com seu post, fiquei um pouco mais curioso para ler o livro e tentar ver se entendo o porque das criticas feitas ao autor e seus livros. Particularemnte, acho que o fato de ter uma linguagem não desmerece a qualidade de um livro e tampouco o mérito do autor. Augusto Curuy escreve numa linha que pode ser considerada auto-ajuda, é simples, mas não tem nada de superficial ou ruim nas obras dele. Muito pelo contrário.

Vanessa disse...

Também li O Alquimista recentemente, e achei ótimo! A linguagem de fácil compreensão deixa a mensagem do textomais clara. E a maior verdade que li nele foi: "Quando se quer muito alguma coisa, todo o universo conspira a favor."
www.vanessafunnygirl.blogspot.com

Central blogs

div align="center">Central Blogs

Colméia

Colmeia: O melhor dos blogs

Ueba

Uêba - Os Melhores Links