Pesquisar este blog

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

O mestre-Capítulo 9

Ana, Pedro e Paulo foram a um shopping, compraram jóias, carro, eletrodomésticos, sapatos, roupas de banho, de dormir, íntima.
-Leva essa cueca Pedro, ela deixa maior o que já é grande.
-Tá, eu levo.
Aparece Paulo de terno.
-Tá um gato meu irmão.
-Se eu não fosse casada eu pegava.
Ela olha uma passadeira simples em uma vitrine.
-Quer que eu compre para você amor.
-Não precisa gastar dinheiro com isso.
-O que desejam? - a moça da loja.
-Eu gostei dessa bolsa e meu marido vai levar essa carteira e essr relógio e quero todos esses vestidos. Esse vai ser ótimo para romper o ano não é meu amor. -ela sorrindo olhando o vestido em frente ao espelho.
Numa outra loja ela olha todos os lençóis.
-Mudei de idéia, não vou levar nenhum.
Eles voltam para casa.
-Meu bem não fiquei linda com essa passadeira? -era a passadeira que ela tinha visto na vitrine.
Eles foram passar o fim de ano num transatlântico.
-Eu tô grávida Pedro.
-É verdade?
-É, eu desconfiava e tive a certeza ontem.
-Não vamos mais roubar, temos que pensar nesse filho.
Depois foram para um hotel. Pedro sentado nú numa cadeira, Ana aparece, só de calcinha e sutiã, ela senta-se no colo dele e o beija, tira o sutiã, ele beijando os seios dela, desce até o umbigo e do umbigo para a verilha.
Ela lembe a orelha del. Ela grita de prazer.
Alguém toca a campainha.
-Não vá não! -ela pega na mão dele.
-Devemos ter acordado o pessoal do hotel, devem tá morrendo de inveja dos seus gritos gostosa.
-Vai atende. -ela joga o roupão.
Pedro abre a porta.
-Tem alguém o chamando lá embaixo.
-Disse o nome?
-Não.
No quarto Ana vê da janela várias viaturas da polícia.
-Merda.
-E o que a pessoa quer?
-Não sei não senhor.
Ana aparece com uma arma.
-Ana.
-A polícia está aí embaixo, descobriram agente.
-Fala filho da mãe é a polícia que está me chamando?
-É, não me matem, por favor..
O prende dentro do armário Pedro, eu vou falar com o seu irmão pra sair da casa com o dinheiro.
Depois deles fugirem do hotel, se encontram com Paulo. Paulo está com cabelos longos, até os ombros, Pedro com um bigode e um óculos, Ana, loira e de olhos azuís, graças a uma lente de contato.
-Vamos pra onde?
-Rio de janeiro. Agora você se chama Carolina Ambrósio e eu, Eduardo Ambrósio.
-Eu tô ridículo.
-Que nada Paulo. -Ana.
-Não, agora me chamo Mateus.
-Deu para salvar quanto?
-Quase seis milhões.
-Agora é uma nova vida.

Um comentário:

Liipee disse...

legal o texto, só não sei se entendi muito bem
:\

mas a história em si é boa..
pensei que era uma piada
:Xx
auhQUIHWUqhwQWq

valeu !

Central blogs

div align="center">Central Blogs

Colméia

Colmeia: O melhor dos blogs

Ueba

Uêba - Os Melhores Links