Pesquisar este blog

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Memória em surto.

Esse memória em surto eu decidi escrever o por quê eu me tornei um blogueiro. Eu escrevo desde os treze anos, comecei a escrever livros aos 16, o meu primeiro livro em novembro faz 5 anos que eu escrevi, o curioso que essa obra veio após um pesadelo que tive, um assassinato, o marido joga a esposa de um prédio após saber que foi traído por ela e o seu próprio filho ( ressalto que o filho não era dela). A obra se passava no fim do século XIX até a metade do séc. XX, se chama A tua face, não publiquei no blog e nem vou publicar, pois o livro é cheio de tragédias, é quase teatral e sofri muita influência de Nelson Rodrigues. Mas já postei aqui a adaptação que fiz dessa obra para os dias atuais e que recebe o mesmo título. Hoje já são mais de 20 livros, entre acabados, inacabados e reeescritos, mas só cinco se encontram no blog( Três na integra e dois que estão parcialmente aqui).
O meu tio pegou um dos meus livros e levou para um amigo dele que fez as críticase elogios a ele e me prpôs que eu criasse um blog e me tornasse problogger. Me interessei pela reportagem que ele me deu na época e criei esse blog aqui, uvirgilio, hoje eu tenho esse e mais três filhotes: Nova geração ( blog de conteúdo religioso), espaço leituras ( blog que tem eu e mais três outros blogueiros que escrevem livros) e Sofistablog ( um blog de uma equipe de professores).
Problogger não me tornei, também seria ingenuidade minha eu que nunca me arrisquei nisso, já começar a ganhar muito dinheiro com isso.
Vida de blogueiro é dificil, eu sempre digo, principalmente quando você não tem o seu próprio PC, aí você digita no trabalho, na casa de amigos e nas benditas lan houses ( ai você aguenta dono de lan house que não sabe porra nenhuma de informática, e você tem que parar o que tá fazendo para ensinara ele, o barulho e nem um poco de privacidade, sem falar dos computadores cheios de defeitos). Já fui expulso de comunidade de blog, por ter fingido que comentei sem ter comentado ( Atire a primeira pedra se você nunca fez isso), Hoje eu escrevo indo para blogs que não estou afim de comentar, mas parece que há um revanchismo no mundo blogger , que se você diz indo dizem indo pra você também.
Eu não sou obrigado a seguir ou comentar num blog quenão encontrei nada de interessante ou não tem nada a ver comigo, acho injusto essa política de divulgação de comentar para o seu blog ser comentado cruel. Um dia mesmo entrei num blog que tinha tudo sobre Naruto, nunca vi esse desenho, então como vou comentar uma coisa que nunca vi e nem me interessa. Detesto passar uma hora divulgando o blog nas oito comunidades de blogs que tenho no meu orkut e quando vejo o resultado, poucos comentários, ou comentários para mim que não são comentários, como: gostei, tá lindo ( até rir uma vez que escrevi um conto de assassinato em série e a menina disse tá lindo), interessante, a pior é registrando visita, teve uma menina que teve a cara de pau de dizer que não leu o texto. Claro que você identifica que m não leu os seus textos com comentários como esses, eu gosto de comentários que comentem partes do texto, que façam analises , sugestões, como eu costumo fazer, óbvio que nem sempre faço isso, pois tem vezes que você está cansado e pegaa um texto interminável. E não fico chateado com quem é sincero e diz que não leu o texto todo, pois acho que é dever do autor despertar essa vontade no leitor e também eu escrevo textos longos pra caralho. Mas acho que deve haver respeito pelo trabalho do outro, você deixa de fazer outras coisas para atualizar o blog, pensa em textos novos para atrair, faz parcerias, procura sites de divulgação e outras ferramentas que torne o blog mais atrativo, sem falar que tem que pensar em títulos que sejam fáceis de achar nos mecanismo de busca.
Eu divulgo o blog em ferramentas que talvez alguns blogueiros já conheçam, como o UEBA 9 que talvez seja o meio que mais disponibilizo leitores para os meu textos, mas até hoje não conseguir enviar uma notícia par o site, pois há várias restrições, por isso só divulgono forum o meu trabalho e isso não resulta visitas ao meu blog), faço parte ainda do DIHITT ( lá eu tenho mais amigos do que no orkut), LINKK, DIGA CULTURA, BLOGBLOGS, COLMÈIA e Via 6, mas pra mim o meio ainda mais eficaz de ter comentários nas postagens é o ORKUT.
também através do blog conheci outros blogs muito interessantes, não vou citá-los pois são muitos que valem a pena ser visitados e também não quero esquecer de nenhum e então passe no meu perfil, pois muitos se encontram lá, também conheci quatro pessoas ótimas que fazem um trabalho maravilhos e é uma honra tê-los como colaboradores de dois blogs que criei.
Até hoje as pessoas que comentam foram super legais nos comentários, tive até a honra de ser comparado com Arnaldo Jabor. Sei que não vou agradar a todos, também não é essa minha intenção, também não esperava possuir mais de 60 seguidores e nem comentários em meus textos
Agora vou responder algumas perguntas que me fizeram em alguns comentários.
-Você mesmo que escreve?
De uma vez por todas, se o texto está no meu blog e o blog rebebe o meu nome, claro que é meu, quando utilizo textos que não são meus, eu coloco o nome do autor na postagem.Ah e também ninguém me ajuda a escrever as postagens.
-Você se inspira em algum fato ou em você mesmo para escrever?

Eu comecei a escrever para fugir um pouco da minha vida tediosa, nos meus livros poderia ser rico e comprar o que eu quiser, namorar uma bela mulher, ir para qualquer lugar do mundo. Mas quando você é o autor de alguma forma alguma coisa de você vai ter naquelas obras, algumas vezes crio, outras me inspiro em fatos, até coloco frases que ouço e acho interessante e coloco nos meus textos, em pessoas para homenageá-las.
-Mudança de layout
Eu não mudo, pois até hoje não vi nenhum layout parecido a esse que eu tenho, o que para mim dá uma idéia ilusória de exclusividade.
Textos longos
É o meu jeioto de escrever.
Por fim, claro que desejo ver minhas obras se materializarem, ser o livro de cabeceira de uma pessoa, é por isso que crei um blog, acho que a internet é uma boa ferramenta para isso. E apesar de vida de blogueiro ser dificil,é gratificante quando você recebe carinho ereconhecimento pelo seu trabalho dos leitores.

Um comentário:

HBMS disse...

''pois tem vezes que você está cansado e pegaa um texto interminável''
rsrsrs foi uma das primeiras coisas que me passou na mente quando cheguei no meio do texto XD.

Pois bem, concordo com vc em vários sentidos (pra não dizer em todos!),é muito difícil divulgar um blog e escrever sabendo que quase ningm lerá, às vzs tira até mesmo o ânimo...
O orkut tbm virou um meio de divulgação pra mim e acredito que ficará sendo assim por um bom tempo.
CARA !! Acho o máximo vc conseguir fazer os diálogos com naturalidade \o/ e ter escrito livros tbm =O
já tentei essas duas coisas, mas tive alguns trágicos resultados ._.


'amadurecer a alma reflete nos textos, daí em diante ficará mais fácil criar um público =) um jardim bem cuidado pode atrair lesmas, carrapatos e pragas, mas também as borboletas.
;*

¹posso não comentar sempre, mas darei um jeito de estar por aqui mais vezes o/

²um comentário interminável pra vc ver o que eu 'sofri' XD

Central blogs

div align="center">Central Blogs

Colméia

Colmeia: O melhor dos blogs

Ueba

Uêba - Os Melhores Links